O caminhão do futuro

Postado por Divelp
19 de dezembro de 2014
Daimler-Future-Trucks-Autonomous-Trucks-all-Set-for-2025-3

Montadora lança, na Alemanha, veículo que dirige sozinho. Expectativa é de que ele esteja pronto para ser comercializado em 2025

Já pensou em tomar um café tranquilamente enquanto vê a estrada da boleia do caminhão? Isso sem precisar tocar no volante. Na edição deste ano do Salão Internacional de Veículos Comerciais, que será realizado no fim de setembro em Hanover, na Alemanha, a Daimler AG fará a estreia mundial do Mercedes-Benz Future Truck 2025. Em dez anos, segundo a marca, os veículos serão conduzidos em regime autônomo por rodovias europeias.

A ideia, segundo informações da Mercedes, é que o motorista continue no comando, mas como um gestor do transporte. A expectativa é de que a novidade aumente a eficiência do transporte, proporcione um trânsito mais seguro e diminua as taxas de emissões de CO2.

O Future Truck 2025 já acumula viagens a uma velocidade de até 89 km/h em situações reais de trânsito num trecho da rodovia alemã, onde o protótipo está sendo testado. O ponto de partida foi o Mercedes-Bens Actros 1845. Durante os testes em vias públicas, o caminhão circulou camuflado pela Alemanha. Internamente, foi aplicada uma cobertura que modifica o cockpit e o protege de curiosos. Porém, as telas do painel já permitem ver que o posto de trabalho do motorista ficou diferente. Estão separadas visualmente a área de trabalho e a de descanso.

Para dar conta do recado, a tecnologia tem sensores de radar e uma câmera, que exploram a via à frente. Na parte dianteira inferior, foi instalado um sensor que explora a região de curta e longa distância adiante do caminhão. São 70 metros para o curto alcance e abertura de 130 graus. O de longo alcance chega a 250 metros e monitora a estrada a um ângulo de abertura de 18 graus. Além disso, tem um sistema de controle de proximidade e um freio de emergência interligado a todos os sistemas.
content_autonomous-trucks

 

No painel de instrumentos, atrás do para-brisa, foi instalada uma câmera estereoscópica, que também faz uma varredura da área à frente do veículo. Ela consegue identificar uma ou duas pistas da estrada, pedestres, obstáculos estáticos ou em movimento, além de objetos que estejam dentro da área monitorada da via. É o mesmo equipamento que detecta a situação dos semáforos.

MAPA DIGITAL

Nas estradas, para identificar as áreas à esquerda e à direita do caminhão, são usados sensores de radar instalados nas laterais. O sistema ainda possui dados do mapa digital viário em três dimensões, o que permite a identificação, a todo o momento, do traçado e da topografia da estrada.

Na prática, o caminhão do futuro entra na estrada e permanece na pista da direita. Assim que alcança a velocidade estabelecida no sistema, de 80 km/h, ele oferece ao motorista a opção do modo autônomo. Se ativada, passa a seguir viagem sozinho.

Caso o modo autônomo seja acionado, o motorista tem a opção até de virar o assento a 45 graus, onde fica uma estação de trabalho equipada semelhante a um escritório, com tablet removível, que permite a comunicação com o próprio sistema do caminhão.

 

Fonte: Revista entre vias

Comentários

Deixe uma mensagem







Categorias



Arquivos

Imagem não encontrada